18 de jan de 2009

Israel Ganhou a batalha, mas perdeu a guerra

Segundo informações do site do canal Al Jazeera, centenas de corpos ainda estão nos escombros dos prédios bombardeados em Gaza, o que significa que a mortandade de crianças, mulheres e idosos será ainda maior do que se previa. Alguns escritores afirmam que não se pode comparar às ações e os crimes de guerra que o o Estado de Israel cometeu nas mesmas proporções do Estado Nazista. Pois eu tenho opinião diferente. Hoje existe uma coisa chamada Internet. Se não houvesse a internet e os avanços das comunicações as coisas seriam bem piores, podem apostar. Israel só recuou porque milhões de pessoas sairam às ruas em protesto contra o massacre. Há 50 anos uma imagem de guerra levava semanas para chegar nas redações, hoje, poucos segundos. Outras carnificinas já foram praticadas sem o conhecimento da opinião pública, mas quando as coisas são trazidas para a luz não há governo perverso que resista ao crivo da humanidade. Israel ganhou a batalha em Gaza, mas perdeu a guerra da opinião pública, e isso lhe custará muito caro nás próxima décadas.