30 de set de 2010

Serra,o ligador

Disk Gilmar Mendes

Os internautas mandaram essa :

Você ligou para “diskgilmarmendes”,
tecle 1 para habeas corpus;
tecle 2 para pedido de vistas;
tecle 3 para chamar presidente às falas;
tecle 4 para segundo habeas corpus;
ou espere um segundo para falar com o próprio Gilmar Dantas

Gilmar Mendes e Serra precisam abrir o sigilo telefônico

O STF não tem outra alternativa, para não cair no descrédito, se não a de pedir que seu ministro Gilmar Mendes abra o seu sigilo telefônico. De outra forma,  tem que processar a Folha de S. Paulo. Caso seja comprovado que ele recebeu o telefonema, o STF deve "aposentar" esse ministro por ter aceitado sugestão de uma das partes que poderiam ser beneficiadas com o seu voto no Supremo.

O cartel de transportes da Região Metropolitana

Porto Alegre é uma cidade circundada por um belo rio navegável, no entanto, alguns políticos gananciosos e um cartel de transportes rodoviários da região metropolitana impede há vários anos que haja transporte público de pessoas entre Guaíba e Porto Alegre e para outros municípios da região. No Rio de Janeiro, por exemplo, além do transporte rodoviário entre Rio e Niteroi também existe os ferry boats (como o da imagem acima), que desafogam o transito e ajudam a massificar o transporte público. Espero que essa máfia seja desmantelada no próximo governo e consigamos sair da inercia, afinal temos um potencial enorme que não damos bola. 

Não adianta a Metroplan publicar edital de concorrência se existe um cartel que controla o transporte público na Região Metropolitana. Se Yeda e Fortunati realmente quisessem, imporiam o transporte via Carris num primeiro momento, e depois liberaria para concessão de outras empresas.

É uma vergonha que o governo do Estado e a administração de Porto Alegre vire de costas para o rio e para a população, não oferecendo uma alternativa de transporte para milhares de pessoas, numa grande saída para desafogar o trânsito caótico de Porto Alegre e  da Região Metropolitana.

A ligação de Serra para Gilmar Mendes

Foto: Moacyr Lopes Junior
Os jornalistas Moacyr Lopes e Catia Seabra afirmam hoje (30) na F.S.P que após receber uma ligação do candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra, o ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes interrompeu o julgamento de um recurso do PT contra a obrigatoriedade de apresentação dos dois documentos na hora de votar.

Sob protestos de outros ministros, Mendes pediu vista (mais prazo para análise), adiando o julgamento. Sete ministros já haviam votado pela exigência de apresentação de apenas um documento com foto, descartando a necessidade do título de eleitor.


A obrigatoriedade da apresentação de dois documentos é apontada por tucanos como um fator que beneficia Serra. Dilma  tem o dobro da intenção de votos de Serra entre os eleitores com menos escolaridade.

"MEU PRESIDENTE"

Segundo a matéria, após pedir que o assessor ligasse para o ministro, Serra recebeu um celular das mãos de um ajudante de ordens, que o informou que Mendes estava na linha.
Ao telefone, Serra cumprimentou o interlocutor como "meu presidente". Durante a conversa, caminhou pelo auditório. Após desligar, brincou com os jornalistas: "O que estão xeretando?"

Depois, por meio de suas assessorias, Serra e Mendes negaram a existência da conversa.
Para tucanos, a exigência da apresentação de dois documentos pode aumentar a abstenção nas faixas de menor escolaridade.

Se o Supremo não julgar a ação a tempo das eleições, no próximo domingo, continuará valendo a exigência. 

ESSE É O NOSSO MINISTRO GILMAR MENDES, O MESMO QUE TIROU A EXIGÊNCIA DO DIPLOMA PARA OS JORNALISTAS E OUTRAS MALDADES.

29 de set de 2010

Lula faz alerta !

A lamina afiada nas costas da democracia

Olhem a sutileza com que o P.I.G crava a sua lamina afiada nas costas da democracia. Coloca na boca de Aécio (em vermelho)  uma opinião política sobre a campanha de seu correligionário Serra. Na realidade isso nada tem a ver com a cobertura da eleição, é apenas a opinião de um candidato ao senado pelo PSDB de Minas Gerais, tentando influenciar o voto do internauta. No mesmo site, está a publicação da pesquisa que dá Dilma no primeiro turno (que eles não dizem na manchete, apenas clicando na matéria e lá no fim do texto).  

MAS COMO A VIDA ME ENSINOU QUE PESQUISA NÃO GANHA ELEIÇÃO, VAMOS TRABALHAR ATÉ O DIA 03 PARA ELEGER NOSSOS GALOS E GALAS (AHAHAHAHHAHA) 

Ibope: Dilma 50% X 41% de todos os outros

petista ganharia no 1º turno se eleição fosse hoje

Pesquisa realizada pelo Ibope sob encomenda da CNI (Confederação Nacional da Indústria) nos dias 25 a 27 de setembro indica que Dilma Rousseff (PT) está com 51% contra 41% de todos os seus adversários somados. Se a eleição fosse hoje, a petista venceria no primeiro turno.

Dividindo para somar

O PSDB sempre foi um bom e fiel aliado do PMDB guasca. Sempre estiveram nos governos do PMDB (Britto, Rigotto e agora, no de Yeda, o PMDB ocupa secretaria$$ estratégicas$$ e o Banri$sul.  A Zero Hora de hoje (29) reproduz com fidelidade o clima nos bastidores  entre essa turma, que faz que briga na frente da telinha, mas estão sempre juntos.  Alguém tem dúvida que eles são aliados, mas estratégicamente divididos para somar. ESSES TEM MAQUIAVEL E SUN TZU NA CABEÇEIRA DA CAMA.

28 de set de 2010

S.O.S protetores de animais de Imbé

A Associação de Proteção Animal(AIMPA) de Imbé está passando por dificuldades. A prefeitura não mais ajudará com recursos financeiros para os animais. A presidente VIRNA está desesperada, necessitando de doação de ração para os 200 animais abrigados na entidade. Sem a ajuda de doadores voluntários essa entidade fechará. Quem poder ajudar pode entrar em contato pelo telefone (51) 9748-2679 que a Virna dará maiores informações.

Reta final: ouvir o eleitor

A semana final é o momento mais critico de uma campanha, tanto para a militância, quanto para os candidatos. No entanto, é nesse momento que precisamos de muita mobilização, principalmente buscando o voto dos indecisos e daqueles que querem até mesmo anular o seu voto. Não ache que é perda de tempo ouvir uma pessoa dizendo que vai anular o seu voto, que odeia políticos, que nada funciona e que ninguém presta. Deixa o homem falar, descarregar, e depois coloque seus argumentos, e temos muitos para eleger Tarso, Dilma, Paim, Abgail e nossos parlamentares. 

Nas minhas andanças pelo Rio Grande tenho visto que muitas pessoas ainda estão indecisas, principalmente às mulheres, que são mais resistentes a eleger uma mulher presidenta da república. Tenho visto também muitos professores estaduais que me disseram inicialmente que vão votar em branco e que estão desencantados com a política. 

Entendo que temos um compromisso nesta semana de buscar o voto para nossos candidatos, mas também de ouvir o eleitor e a eleitora, numa espécie de divã militante, numa forma respeitosa e inteligente de buscar o voto daqueles que andam desencantados com a política.

27 de set de 2010

Paim dá sinal à esquerda e começa a ultrapassagem

Eu disse neste espaço que Paim vai ultrapassar Ana Ana Amélia até quarta-feira, vésperas das eleições, e que Abgail vai crescer ainda mais. Aliás, Abgail vai ultrapassar a casa dos vinte pontos e pode encostar em Rigotto no domingo, se ele despencar ainda mais (aahhahha). A vitória de Paim, e porque não dizer também de Abgail (um nova liderança que surge), se deve  ao acerto preciso (num segundo momento) da campanha, que fez colar a dobradinha dos dois candidatos da União Popular pelo Rio Grande, evitando que o segundo voto fosse para a A.Mélia e Sr. Botox, Ops, Rigotto.

Outro fator decisivo para o crescimento de Paim é que a população sabe que ele tem  posição clara em defesa dos trabalhadores, e conta com o apoio esmagador da militância, de Lula, Dilma, Tarso e da classe da trabalhadora, que sabe quem a representa no Congresso Nacional.

Por falar nisso, quero ficar atento aos projetos e aos bastidores do Senado, caso a mulher  do ciborg se eleja para a segunda vaga no RS (essa eu não quero perder de vista)

26 de set de 2010

Transito: até quando vai essa carnificina ?

Hoje (26) passei no local do acidente, em Bento Gonçalves (distrito de Faria Lemos), onde um caminhão se perdeu numa curva. Parece que o veículo já nao tinha mais freios quando  bateu e  massacrou uma familia inteira num outro veículo e o próprio motorista do caminhão. O lugar era desolador, e a carga viva, já destroçada, estava toda espalhada, com milhares de pintinhos esmagados e alguns ainda vivos gritando por socorro, 24 horas depois do acidente. O motorista do caminhão, segundo colegas de profissão, afirmaram que provavelmente seu colega já não tinha mais freios no momento do impacto, pois naquela descida, se não dosar a pressão na frenagem, liberando e pressionando os freios na hora certa, pode acelerar a desintegração das balacas, ocasionado a perda total do freio no final da descida. 

Na realidade, dirigir um caminhão é um arte que exige muita técnica, conhecimento e equipamentos em perfeita manutenção. Muitas pessoas acham que frear um caminhão é como frear um carro, ledo engano. Meu pai, por muito tempo foi motorista de caminhão e pude aprender um pouco com ele sobre essa bela profissão e um pouco das habilidades dos caminhoneiros.  Um caminhão é como um navio, ela não pára no momento da frenagem e se desloca ainda por dezenas de metros, e se tiver carga total ( de 13 mil a 27 mil quilos), exige  ainda  mais perícia. Hoje, a maioria dos profissionais que operam caminhões de transportadoras possuem alto grau de especialização e técnica, no entanto, esse não é o caso de milhares de motoristas que transistam por ai em nossas estradas. Assisto também caminhões em péssimo estado de conservação, ou que já deveriam ter sido substituídos há muito tempo, ou motoristas que acham que seu caminhão é um tanque de guerra e que você é um inimigo.

Lamentavelmente hoje (26), como se isso tudo não bastasse, passei por outro triste acidente, com duas carretas destruídas na RS-470 entre os municípios de Garibaldi e Bento Gonçalves. Depois descobri que na realidade foi um veículo que havia se perdido na curva e batido em um desses caminhões, ocasionado a carambola das carretas, e  que vitimou na hora o motorista do carro.

Entendo que os gaúchos terão que fazer um reflexão sobre esse tema e buscar uma solução para esse verdadeiro massacre que ocorre diariamente em nossas péssimas estradas gaúchas (na maioria de pista simples, mal sinalizadas e esburacadas)

25 de set de 2010

Fauna Política: a Raposa, a traira, os tucanos, os porcos e a arapuca

Não pensem que Pedro Simon, a velha raposa da política nacional, abriu o seu coração e seu voto para a ecotraira Marina Silva porque ela uma santa ecológica, o avatar tupiniquim. Quando o vice de Marina veio ao RS no 20 de setembro e discursou dizendo que Marina ia para o segundo turno, para mim, ali estava armada a verdadeira arapuca da direitalha nacional contra Dilma e os trabalhadores brasileiros.

Serra não crescerá mais e já estagnou, dentro da margem de erro. No entanto, Marina tem potencial de crescimento pois está abençoada pelo PIG e pelos tucanos. A ecotraira sabe que a sua candidatura não vai para o segundo turno, mas a ideia não é essa. A estratégia do PV e dos tucanos é potencializar Marina, fazendo com que tire pontos de Dilma, tentando levar Serra para o segundo tempo.

O discurso de Simon em apoio a Serra nada mais é do que uma peça dentro do quebra-cabeça para tentar eleger Serra presidente. Essa imparcialidade ativa do PMDB quasca às vezes tem serventia, principalmente nessa fauna política onde transitam raposas, trairas, tucanos e porcos (ahahhhah).

24 de set de 2010

Paim pede passagem com motor V13.1

A mobilização da militância do Partido do Trabalhadores, a história de Paim em defesa dos direitos sociais da classe trabalhadora, e a mudança profilática na estratégia de sua campanha fez com  que Paim ultrapassasse Rigotto (com sua neutralidade ativa) e com certeza será o senador mais bem votado, ultrapassando Ana Amélia (PP) . A inserção acertada de TV colou Paim e Abgail (os dois candidatos da União Popular pelo Rio Grande), e fez com que Abgail Pereira saltasse de 1 % para 10 % nas intenções de voto (tirando o segundo voto de Rigotto e de A.Amélia) e Paim subiu quatro pontos em menos de uma semana. O apoio do Psol ao senador Paim também  causa um efeito psicológico positivo e nesses próximos dias o carro de Ana Amélia será ultrapassado. 

Essa disputa mostra que os candidatos que possuem posições claras, sejam de direita (Ana Amélia) ou de esquerda (Paulo Paim e Abgail), recebem o apreço de suas bases e turbinam uma campanha. Ana Amélia (PP ex-arena) faz o discurso do novo, mas representa a velha política das oligarquias, do latifúndio e dos grandes veículos de comunicação com seus interesses e projetos no Senado. Paim e Abgail sempre estiveram ao lado do povo nas suas lutas. Aliás, Abgail pode surprender se a militância se dedicar ainda mais, pois Rigotto, na minha opinião, vai descer e ficar colado no percentual de seu candidato ao governo do Estado

Se compararmos a disputa a uma corrida, o carro de Paim pode não ser o mais "novo", mas tem os melhores mecânicos e um motor V13.1 (ahahahha) azeitado . Já o de Ana Amélia é novinho, mas está fora de geometria e puxa para a direita na reta final.

23 de set de 2010

Por que o PIG não assume Serra ??

Seria mais democrático se o PIG defendesse abertamente um partido político, e a candidatura do tucano José Serra. Pelo menos nós  respeitaríamos essa posição clara de direita. A sociedade brasileira se daria conta que a imprensa tem lado, tem intere$$$$$e$$$, e que o deles sempre tem que vir primeiro, é claro. No entanto, ocorre que para eles isso nunca fez diferença, tanto faz quem seja o bode  desde que o bode se eleja (Lula e Dilma serão excessões) , e coma nas mãos dele$ e faça o que seus aliados da Fiesp e do agronegócio sempre fizeram nesses quinhentos anos (mamar dinheiro público).
Esse é o esquema, não importa o partido (O PV é uma prova disso), o que importa é achar uma sigla de aluguel que possa impor uma derrota aos partidos que defendam a classe trabalhadora. Hoje é o PSDB de Serra, amanhã pode ser o Aécio (onde estará ele ???) ou qualquer outro pulha que eles possam colocar na vitrina de seus telejornais como um produto "novo" capaz de enganar a população e derrotar o velho, o velho e bom socialismo (ahahahahhaha).

22 de set de 2010

Sun Tzu IV

A arte da guerra se baseia no engano. Portanto, quando és capaz de atacar, deves aparentar incapacidade e, quando as tropas se movem, aparentar inatividade. Se estás perto do inimigo, deves fazê- lo crer que estás longe; se longe, aparentar que se está perto. Colocar iscas para atrair ao inimigo. Golpear o inimigo quando está desordenado. Preparar-se contra ele quando está seguro em todas partes. Evitá-lo durante um tempo quando é mais forte. Se teu oponente tem um temperamento colérico, tente irritá-lo. Se é arrogante, trata de fomentar seu egoísmo.


Se as tropas inimigas se acham bem preparadas após uma reorganização, tenta desordená-las. Se estão unidas, semeia a dissensão entre suas filas. Ataca o inimigo quando não está preparado, e aparece quando não te espera. Estas são as chaves da vitória pela estratégia.

Lula e o elitismo subalterno da Folha de São Paulo

GOLPISMO MIDIÁTICO? eu digo SIM

OPINIÃO DO BLOGUEIRO: SIM ! GOLPISMO MIDIÁTICO

O grupo RBS lança um feroz ataque ao presidente da república e aos movimentos sociais em seu editorial, publicado hoje (22). Acusa Lula  de estar iludido - dessa vez não usaram a expressão embriagado como fez nossa abelhinha - , pela sua estrondosa popularidade e avisa que ele vai manchar a sua biografia (mais do que ja tentaram nesses trinta anos ??ahahahahahacocofcofcof) , apontando que o Brasil caminha para uma venezuelização ou argentinização, seja lá o que signifique isso para o P.I.G. O editorial vai mais longe  e aponta que Lula respalda o patrulhamento de conotação fascista, patrocinado por lideranças incapazes de conviver com a crítica e  com ideias contrárias. Como não estou estimulado pelo emocionalismo eleitoral (vou deixar isso para A. Amélia e A. Motta), leia vc mesmo e tire as suas conclusões:

 EDITORIAIS

GOLPISMO MIDIÁTICO?

Estimuladas pelo emocionalismo eleitoral e por manifestações sectárias do presidente da República, lideranças sindicais e de movimentos ditos sociais, com o respaldo de partidos governistas, estão anunciando para esta quinta-feira um “ato público contra o golpismo midiático”. A manifestação, que é legítima na democracia que os brasileiros sensatos defendem para o país, envolve também uma evidente ameaça às liberdades constitucionais, em especial à liberdade de expressão. Quem é a mídia golpista? São os meios de comunicação independentes que estão noticiando irregularidades no governo, apropriação indébita da máquina pública por apadrinhados políticos do poder e por seus familiares, evidenciada no explícito tráfico de influência que provocou recentemente a demissão da ministra-chefe da Casa Civil? A imprensa pode cometer equívocos, como qualquer obra humana, e pode ser criticada por determinada reportagem ou mesmo por alguma posição editorial. Mas deve ter também, como atribuição democrática, a representação da sociedade para ver e denunciar as irregularidades e as distorções do poder público em todas as esferas.

Evidentemente, denúncias como as que vêm sendo publicadas nas últimas semanas podem trazer prejuízo político para quem está no governo e para os candidatos e militantes da chamada situação. Mas este é o preço da democracia. Imprensa digna é a que denuncia – e não a que se alinha submissa ao poder, abandonando seu compromisso com os interesses da população. As mesmas vozes que se erguem contra o papel da imprensa nos atuais episódios, a que qualificam de golpista, são as que elogiam quando as denúncias atingem seus adversários políticos. Assim, para esse pensamento sectário e deformado, a imprensa cumpre seu dever quando denuncia o mensalão do DEM, mas é antidemocrática quando descobre o tráfico de influência exercido na Casa Civil da Presidência. O ex-ministro José Dirceu chega ao cúmulo de ver na atitude fiscalizadora da imprensa o pecado de “abusar do direito de informar”, algo que soa como autoritário. Para corrigir tal pecado, propõe a receita embutida numa frase que eufemisticamente encobre a tentativa de controlar a imprensa livre: “A democratização dos meios de comunicação”.

O presidente da República, iludido pela sua estrondosa popularidade, corre o risco de manchar sua biografia de democrata ao avalizar tais gestos e ao respaldar o patrulhamento de conotação fascista, patrocinado por lideranças incapazes de conviver com a crítica e com ideias contrárias. O golpismo não está no exercício da liberdade de imprensa, insumo indispensável para qualquer democracia, mas na tentativa de silenciá-la. As frustradas tentativas de impor controles sobre os meios de comunicação, reiteradamente propostas nos últimos anos, recendem ao condenável modismo antidemocrático que vem sendo praticado na Argentina e na Venezuela.

21 de set de 2010

Desemprego ao estilo tucano

Serra primeiro prometeu o reajuste de R$ 600,00 para os trabalhadores, coisa que em seu governo (FHC/Serra) nunca passou de US$ 85,00. Agora, o padrinho do fator previdenciário diz que vai aumentar em 10 % os aposentados (ahhahaha) . O engraçado é que quando governava com FHC o discurso sempre foi de que qualquer reajuste real para os trabalhadores não poderia ser dado para os aposentados, pois  quebraria a previdência social. Além da taxa recode de desemprego, Serra sempre esteve ao lado de medidas contra os trabalhadores e falava a mesma lingua da Fiesp e de meia duzia de empresários. O PIG, é claro, se encarregava de dizer que isso era verdadeiro.
Por isso peguei emprestado este excelente texto da Carta Capital denominado Desemprego ao estilo tucano. Nele é  possível verificar a deterioração do mercado de trabalho nos anos 90, onde os ideólogos do PSDB culpavam os trabalhadores . O artigo é de Sergio Lirio.

Esqueçam o que eu fiz. Poderia ser essa a resposta de Fernando Henrique Cardoso sobre o tema geração de empregos. A vantagem de Lula nesse quesito é abissal.

Enquanto a economia no período de FHC criou 797 mil postos de trabalho com carteira assinada, sobretudo após a recuperação entre 2000 e 2002, quando a desvalorização do real impulsionou as exportações, na era Lula foram quase 9 milhões de empregos formais. A taxa de formalização pela primeira vez ultrapassou a marca de 50% da força de trabalho. O fenômeno recente derruba mais um dogma dos anos 90 alimentado pelos neoliberais: o de que a economia globalizada havia decretado a morte dos empregos com carteira assinada. Foi o tempo em que o ministro do Trabalho de FHC, Edward Amadeo, lançou o neologismo “inempregável”, como se a culpa da falta de vagas fosse de quem buscava uma colocação e não dos problemas da economia. Outro herói do período foi o economista José Pastore, da USP, sempre pronto a defender uma maior flexibilidade das leis trabalhistas ante a nova realidade.

A pedido de CartaCapital, o professor Waldir Quadros, da Unicamp, que há três décadas estuda o mercado de trabalho e a evolução das classes sociais no Brasil, fez um levantamento do total de ocupados e desocupados de 1995 a 2008. Por uma questão metodológica (para tentar medir o desalento, Quadros considera desempregado quem busca trabalho em um período de dois meses. O IBGE usa o critério de um mês), há pequenas diferenças porcentuais de suas taxas em relação aos índices oficiais. Essa discrepância não muda, porém, as tendências ao longo do tempo.

Na era do populismo cambial (1995-1998), a massa total de ocupados ficou estagnada: variou de 69,4 milhões a 71,3 milhões. De 1995 a 1999, o Brasil perdeu mais de 1,2 milhão de empregos com carteira assinada, segundo dados do Ministério do Trabalho.

A desvalorização da moeda brasileira, que atenuou o processo de desindustrialização, melhorou a situação. De 1999 a 2002, a massa de ocupados subiu de 70,6 milhões para 79 milhões de trabalhadores. Mesmo assim, de acordo com o levantamento de Quadros, a taxa de desemprego no período fernandino subiu de 8% para 11,7% da população economicamente ativa.

“Até hoje o mercado de trabalho não se recuperou. O Brasil precisa crescer acima de 6% e melhorar o conteúdo de seu desenvolvimento para mudar a situação e absorver o estoque de desocupados. O governo Lula gerou muitos empregos, mas a quantidade mal deu para suprir a chegada anual de novos trabalhadores ao mercado. Além disso, são vagas no agronegócio e nos setores de consumo de baixo valor agregado. É fundamental retomarmos a industrialização e reconstruirmos as cadeias produtivas”, explica Quadros.

Um dado que dá bem a medida do argumento do professor da Unicamp: de 1993 a 2002, o total de desocupados subiu de 5,5 milhões para 10 milhões de brasileiros. Entre 2003 e 2008, caiu de 10,5 milhões para 8,8 milhões.

A “modernidade anti-getulista” de FHC produziu outro efeito deletério para as finanças públicas. Enquanto caía o número de trabalhadores que contribuíam para a Previdência, aumentava o número de beneficiários. Em um sistema de partilha, no qual os empregados sustentam os inativos, esse é o pior dos mundos. No balanço geral, a economia no período tucano abriu 797 mil vagas formais, ao mesmo tempo que 5,8 milhões de trabalhadores ingressaram na lista de beneficiários. Parte dessa expansão se explica pela incorporação de trabalhadores rurais ao INSS. Outra tem a ver com as privatizações, a perda de competitividade econômica e as ameaças de reformas radicais do sistema previdenciário. No período Lula, a situação inverteu-se: foram 8,7 milhões de postos (e novos contribuintes) e cerca de 5 milhões de novos beneficiários.

Aliás, o problema pontual de geração de caixa da Previdência nos anos 90 deu asas a outra ideologia. Diante do crescente rombo, fruto, como vimos, da queda dos contribuintes e do aumento dos beneficiários, ganhou corpo no governo FHC a defesa da privatização do sistema, à moda do Chile e da Argentina. O mentor da proposta foi o economista André Lara Resende, que preparou um longo estudo a favor da ideia e foi celebrado nos cadernos de economia dos principais jornais do Brasil. Em uma dessas publicações, um colunista chegou a escrever: “Não conheço a proposta de André Lara, mas sei que ela é genial”.

O tempo e o vento costumam colocar as coisas no devido lugar. Os sistemas privados do Chile e da Argentina entraram em colapso na primeira década do século XXI. Na terra de Augusto Pinochet, menos de metade da força de trabalho participa de algum fundo de pensão – o resto está ao relento. A crise de 2001 provocou uma perda de 75% do valor do patrimônio dos pensionistas argentinos (até hoje a Argentina não se recuperou do desastre Carlos Menem). Já Lara Resende, o genial, mora em uma quinta em Portugal e vive a levar de jatinho seus cavalos puro-sangue para partidas de polo no Reino Unido.

O ferrão da abelha


Olhem o detalhe da foto da matéria publicada pela nossa abelha rainha em sua coluna. de hoje (21) Para fazer uma abordagem sobre o "destino de Dilma", o PIG guasca puxou  uma capinha  de 10 anos atrás que dá entender que o PDT ficará alijado do governo, caso Tarso Genro vença.  nunca vi esse tipo de capa por exemplo sobre o Pedro Simon, sobre alguns sabujos da direita, é só contra o PT. 

Mas o pessoal do PDT não se preocupe com esse tipo de maldade pré-eleitoral. Tarso Genro vai vencer e governar com o PDT, o PTB e todas as forças que possam trazer desenvolvimento para  o RS. O que o PIG tenta com esse tipo de manchete é levar a eleição estadual para o segundo turno e pedir que a base do PDT pare de aderir e massa à campanha de Tarso Genro.

O Crack e o PIG guasca

Quem olha a manchete do PIG guasca de hoje (21) acha que eles estão preocupados com essa chaga do crack, e até parece que é positiva para o governo, no fundo é pura políticagem. Na realidade é uma maneira sutil de acusar o governo Lula de lento e de burocrata nos temas da saúde. Veja a chamada antes do título " quatro meses depois ", é pura maldade.  O engraçado é que o governo Yeda e o de Fogaça sempre passaram de lombo liso pela mídia em todos os temas ligados à saúde e a falta de investimentos.

Aliás, sobre o crack,  tenho a dizer que a mídia guasca nunca deu bola para os milhares de pobres que morriam diariamente na periferia de Porto Alegre  (faz 5 anos). Começaram a se interessar pelo tema quando há dois anos, playboys e filhinhos de papai começaram usar a droga e morrer,  ou saquear os bens de seus pais de classe média para sustentar o seu vício. 

Quem me elertou por esse interesse seletivo do PIG guasca sobre os usuários de  crack foi uma amiga que mora numa das vilas mais pobres da cidade de Porto Alegre e acostumada a vivenciar a morte de dezenas de jovens pobres e negros, vítimas do crack,  ou assassinados pelos traficantes.  Segundo ela, cançaram de ligar para o DG denunciando chacinas e de desova de corpos de usuários pobres,vítimas de crack. Segundo ela, durante anos ocorreu chacinas diárias nas vilas por acertos de contas entre líderes do tráfico e usuários pobres, sem dinheiro e em fase terminal. Isso sim era problema sério e nunca foi pauta, era mais uma estatístisca dos jornais e nas rádios. A própria Brigada Militar dizia que aquilo era acerto de contas entre traficantes. Só foram acordar para o tema quando filhos de amigos da classe média, profissionais liberais, amigos e colegas começaram a usar a droga e acabar com a suas vidas e de suas famílias. 

A partir dessa dura realidade que não escolhe classe, nem cor, que a mídia começou às campanhas, às mobilizações e selinhos de crack nem pensar. As cracolandias sempre estiveram nos mesmos lugares nas grandes cidades, pena que o PIG tenha acordado tarde para o problema.

20 de set de 2010

Carta Capital responde à vice-procuradora do TRE

Editora Confiança, que edita a revista CartaCapital, recebeu na tarde desta quinta-feira 16 um ofício assinado pela Sra. Sandra Cureau, Vice-Procuradora Geral Eleitoral.Nele somos requisitados a apresentar no prazo de 5 dias as cópias de todos os contratos publicitários que assinamos com o governo federal nos anos de 2009 e 2010.
Nos únicos dois parágrafos do ofício – leia o fac-simile no slide show deste site – não há qualquer referência às motivações que ensejaram a solicitação, nem o nome dos autores do pedido junto ao TRE. Abaixo, os leitores têm o contéudo integral de nossa resposta ao referido ofício, que será protocolado naquele Tribunal.
Agradecemos desde já as dezenas de cartas e moções de solidariedades que recebemos e informamos aos nossos leitores que na edição de CartaCapital que vai às bancas nesta sexta-feira 24, publicaremos uma matéria sobre o assunto.
Leia aqui a reposta ao TRE:
São Paulo, 20 de setembro de 2010.
Excelentíssima Senhora Vice-Procuradora Geral Eleitoral
Acuso o recebimento do ofício de número 335/10-SC, expedido nos autos do procedimento PA/PGR 1.00.000.010796/2010-33 e, tempestiva e respeitosamente, passo a expor o que se segue.
Para melhor atender ao ofício requisitório de relação nominal de contratos de publicidade celebrados entre o Governo Federal e a Editora Confiança Ltda. – revista CartaCapital –, tomamos a iniciativa e a cautela de consultar, por meio de repórter da nossa sucursal de Brasília, os autos do procedimento geradores da determinação de Vossa Excelência. Verificamos tratar-se de denúncia anônima, baseada em meras e afrontosas ilações, ou seja, conjecturas sem apoio em elementos a conferir lastro de suficiência.
Permito-me observar que a transparência é princípio insubstituível a nortear esta publicação, iniciada em 1994 e sob minha responsabilidade. Nunca nos recusamos, portanto, dentro da legalidade, a apresentar nossos contratos e aceitar auditorias e perícias voltadas a revelar a ética que nos orienta. Não podemos, no entanto, aceitar uma denúncia anônima, que, como já decidiu o Supremo Tribunal Federal ao interpretar o artigo 5º, inciso IV, da Constituição da República (“é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato”), afronta o Estado democrático de Direito e por esta razão é indigna de acolhimento ou defesa e desprovida da qualidade jurídica documental.
A propósito do tema, ao apreciar o inquérito número 1.957-PR em sessão plenária realizada em 11 de maio de 2005, o STF decidiu, sobre o valor jurídico da denúncia anônima, só caber apurar a acusação dotada de um mínimo de idoneidade e amparada em outros elementos que permitam “apurar a sua verossimilhança, ou a sua veracidade ”.
Se esse órgão ministerial, apesar do exposto acima, delibera apresentar a requisição referida nesta missiva, seria antes de tudo necessário, nos termos do art. 2º da Lei nº 9.784/1999, esclarecer e indicar os motivos da mesma, justificação esta que se encontra, me apresso a sublinhar, ausente da aludida requisição.
Cabe ainda ressaltar que todos os contratos firmados pela Administração Pública federal com a Editora Confiança, em atenção ao art. 37 da Constituição Federal, foram devidamente publicados em Diário Oficial da União e nas informações disponibilizadas na internet e, portanto, estão disponíveis à V. Excia.
Por último, esclarecemos que o levantamento de dados referido na requisição desse órgão implicará em uma auditoria nos arquivos dessa editora quanto aos exercícios de 2009 e 2010. Evidentemente, essas providências não cabem em um exíguo prazo de 5 dias, mas demandam meses de trabalho. Desse modo, se justificada adequadamente a realização de um tal esforço, indagamos ainda sobre a responsabilidade pelos custos correspondentes.
Ausente os pressupostos que justifiquem a instauração da investigação, requeremos o seu arquivamento. E mais ainda, identificado o autor da denúncia ainda mantido sob anonimato, ou no caso desta Procuradoria entender pela existência de indícios a dar suporte à odiosa voz que nos carimba de “imprensa chapa-branca”, nos colocamos à disposição para prestar as informações e abrir nossos arquivos e sigilos bancários e fiscais, observados, sempre e invariavelmente, os preceitos legais aplicáveis.
Atenciosamente,
MINO CARTA
Diretor de redação e sócio majoritário
Editora Confiança Ltda

Dilma sabe do peso e da responsabilidade que Lula está lhe conferindo

Chega da gente tapar o sol com a peneira. Essa nossa mídia é golpista, é suja e escrota. Hoje é o Serra, amanhã será outro, não importa, o que é fundamental é acelerar a democracia nos meios de comunicação e a educação do nosso povo. Precisamos  urgentemente acelerar a universalização da Internet e da banda larga (custe o que custar), erradicar a pobreza e investir ainda mais pesado na educação. 

Dilma, com certeza, sabe do peso que Lula está passando para seus ombros e só um nordestino na condição dele sabe que Dilma é capaz, e muito capaz.  Para isso, Dilma precisará do seu povo  ao seu lado, o mesmo povo que nas horas difíceis estava com Lula e vai estar com Dilma. 

Dilma ! o povo precisa de um olho no olho, onde tu diga para ele que a tarefa de Lula é tua agora, a tarefa de conduzir o povo brasileiro rumo ao seu destino, deixando o seu passado de fome e miséria para trás.

Dilma protesta contra a parcialidade da Folha da S. Paulo

Midiatrix Revelations, porque hoje é 20 de setembro

Ceu, Sol, Sul, Terra e Cor

19 de set de 2010

Lasier tomando choque, denovo



Tomando choque novamente




ESSE NÃO APRENDE MESMO. VIVA A FESTA DA UVA

Ecotraira no Acampamento Farroupilha

A ecotraira e candidata do Partido Verde à Presidência, Marina Silva,  disse hoje (19)  em Porto Alegre, no Acampamento Farroupilha que ela vai para o segundo turno. Segundo ela, o Brasil vai ter uma grande surpresa no dia 3 de outubro (ahahaah). Com certeza vai mesmo, mas se depender dela será pra beijar a mão de Serra. Mas se depender de mim, essa ecotraira, seu vice (burguesão com discurso de ecologista) e o Gabeira podem ir preparando para colocar outra faixa. Não será a de presidenta, pois essa já tem dona, mas a de REVELAÇÃO TRAIRA 2010.

Sun Tzu III

Durante uma guerra, o general deve adotar táticas frontais, se quiser confrontar o inimigo e táticas de surpresa, se quiser conquistar a vitória.

O general, ao aplicar táticas de surpresa, torna-se tão infinito quanto o céu e a terra e, como o fluxo interminável de um rio. Assim como o Sol e a Lua, ele pára, mas logo recomeça como o movimento da natureza.

Existem só cinco notas musicais, mas as suas combinações produzem as mais agradáveis e maravilhosas melodias que se ouve. Existem só cinco cores básicas, mas combinadas produzem as cores mais bonitas e esplendorosas que se vê. Existem só cinco sabores, mas sua mistura produzem os gostos mais deliciosos que se provam.

(Na China antiga, haviam cinco notas musicais, isto é: gongo, shang, jue, zhi e yu; cinco cores básicas: azul, amarelo, vermelho, branco e negro; e cinco sabores cardeais: azedo, salgado, pungente, amargo e doce)

Assim são as operações militares, existem apenas as operações frontais e as de surpresa, mas suas variações e combinações darão lugar a uma série infinita de manobras. Táticas frontais e de surpresa são mutuamente dependentes e são como um movimento cíclico que não tem nem um começo nem um fim. Quem pode saber sua infinidade?

GUERRA TOTAL A ESSES LADRÕES

Para mim não tem esse negócio de deixar que o PIG e os tucanos-botox batam na Dilma e no Lula e a gente fique como uma boa moça, esperando o dia 03 de outubro chegar.  Vamos pra guerra mesmo ! Vamos acabar com esse bando de ladrões do povo brasileiro, esses vermes da política nacional que só fazem peso na terra e que ja atrasaram em 300 anos o povo brasileiro. GUERRA TOTAL A ESSES LADRÕES DA REPÚBLICA.

A folha corrida do heroi do P.I.G



O heroi do P.I.G, Rubnei Quicoli é um contumaz delinquente ou a Justiça Brasileira e o Ministério Público estão sendo esbofeteados pela imprensa. Este homem, que é colocado na condição de “herói” pelos grandes jornais e que tem suas afirmações reproduzidas em manchetes por eles e pela televisão é condenado diversas vezes na justiça, inclusive em segunda instância e os documentos estão aí, ao alcance de qualquer jornal.

Aqui, você pode ler o no Diário da Justiça o  voto do relator da apelação criminal de número 0007953-14.2000.403.6105/SP, onde este homem é julgado por ter sido pego retirando um BMW roubado de uma oficina mecânica e, ainda por cima, portando sete notas falsas de R$ 50. Ele obteve uma redução de pena para “ 4 (quatro) anos de reclusão e 20 (vinte) dias-multa, determinar o regime inicial aberto e substituir a pena privativa de liberdade por 2 (duas) restritivas de direito nos termos do relatório e voto que ficam fazendo parte integrante do presente julgado”, por decisão do Desembargador André Nekatschalow. Na sentença, é mencionado que Rubnei já tinha sido condenado pelo mesmo tipo de crime (fls. 463), mas que não foi considerado reincidente apenas pelo fato de est outra sentença ainda não ter transitado em julgado.


O documento é original, certificado eletronicamente e não foi obtido por nenhuma investigação senão um acesso ao Google, digitando “sentença rubnei quicoli”. Nada mais. O acórdão foi expedido agora, dia 26 de abril deste ano, por unanimidade de votos.

E o antecedente? É a sentença da juíza de Campinas, Dra. Carla dos Santos Fullin Gomes, obtida na internet, noTribunal de Justiça de São Paulo, cuja a imagem reproduzo aí em cima, por receptação de carga roubada e coação de testemunha.  Sua leitura dispensa qualquer comentário.

Este é o herói da mídia. Este é o homem que serve para que ela tente manipular a vontade eleitoral do povo brasileiro.

Sugiro, publicamente, que os partidos políticos publiquem estes documentos como matéria paga na capa dos jornais. Se o Ministério Público não age, ajamos nós. Vamos levar a verdade ao conhecimento de todos. Essa missão deveria ser da imprensa, bem como a de noticiar a apuração de qualquer desvio de conduta de qualquer integrante do poder público.

Mas não há imprensa, há é um partido político da mídia, que coloca todas as suas fichas no golpismo e que não hesita em publicar, escandalosamente, as acusações de um comporvado delinquente de quinta categoria.

 Fonte: Conversa Afiada e Tijolaço

Para Serra e FHC salário de US$ 100,00 quebraria o Brasil

Todo mundo  que tá ligado na política já notou qual será a estratégia adotada pelo PSDB, pelo PIG e  seus aliados para os próximos quinze dias: O PIG se encarrega de espalhar boatos de corrupção, roubalheira, desvios, condenando o PT e Dilma até pela morte de Cristo, e Serra fica com as promessas. 

Eu mesmo não acreditei quando ele prometeu um salário de R$ 600,00. Sim ! o mesmo Serra que defendeu o salário de R$ 151,00 no dia 03 de março do ano 2000 e uma das piores políticas de renda da classe trabalhadora. Aquele período foi chamado de mais uma década perdida, com salários miseráveis, a renda do trabalhador muito baixa e crises sucessivas na economia. O governo tucano de FHC  (que eles escondem a todo custo do programa de Serra)  praticou uma dos mais baixos salários mínimos da história, achatando o poder de compra da classe trabalhadora. No Governo Fernando Henrique, o salário mínimo do trabalhador brasileiro equivalia a US$ 56,00. O senador Paulo Paim chegava a  fazer greve de fome para que o salário mínimo no Governo FHC fosse de US$ 100, e nada. FHC e Serra sustentavam que isso quebraria a previdência social

No último ano de Lula e Dilma o salário mínimo será de  US$ 298,00,ou seja, quatro vezes mais do que no governo  tucano, e ainda é pouco e queremos mais. Aliás, o discurso de Serra e FHC sempre foi o discurso do P.I.G, : Se o valor ficar em R$ 510, o impacto nas contas da Previdência será de R$ 4,6 bilhões. Cada real de aumento representa R$ 200 milhões a mais nas despesas previdenciárias. (essa é a receita de Serra e FHC) 


A taxa média de crescimento da economia brasileira, ao longo da década tucana, foi a pior da história, em torno de 2,4%.  O patrimônio público representado pelas grandes estatais foi liquidado. A dívida interna que era  de R$ 60 bilhões, saltou para R$ 630 bilhões, enquanto a dívida externa teve seu valor dobrado.

 No Rio Grande do Sul, em quatro anos, a desgovernadora Yeda (PSDB de Serra) simplesmente acabou com o mínimo regional criado no govenro Olívio Dutra. Para quem não lembra, o salário regional era uma forma de escapar das malvadezas de FHC e sua turma, qua não davam reajuste por que a previdência ia quebrar (ahahahahah) Aliás, o PT, na sua história,  sempre lutou pelas melhores condições de vida da classe trabalhadora e por um salário digno.

Agora, além das mentiras, dos aquedutos de TV, Serra promete uma coisa que nunca defendeu: aumentar o salário mínimo  no patamar que eles nunca na história desse país fizeram. É MUITA CARA DE PAU.


18 de set de 2010

Onde fica essa aqueduto que Serra inventou ?



Meus irmãos nordestinos ! Alguem de vcs sabe me dizer onde fica esse aqueduto do Serra ? Isso aí parece mais uma maravilha da engenharia moderna (ahahahahha)

O inconsciente traiu Marina Silva

Nesta semana, lá no Espírito Santo, o consciente de Marina Silva foi traído pelo seu co-irmão subconsciente (aahahahah). Quando foi pedir votos para sua candidatura (PV - 43), deixou que o motor do seu raciocínio apagasse, sendo traída na hora pelas profundezas dos seus pensamentos. Foi ele que acelerou a língua de Marina e a fez derrapar na curva da verdade, fazendo como que a mesma tenha ido de cara no muro da vergonha  ao pedir que votassem no 45 do PSDB. 

Até parece um pequeno erro, mas não é. Isso significa que dentro da cabeça de Marina e dos principais dirigentes do PV as articulações de um possível apoio num segundo  turno já devem estar em adiantado estado de putrefação, ops de negociação com o PSDB. A própria fala da ecotraira e de seu vice (ecologista de meia tigela) de que o segundo tuno será bom para o povo, já temos a certeza de que lado essa gente vai estar. Restando apenas 15 dias antes das eleições e com apenas 9% da preferência do eleitorado, Marina tentará de tudo para arrancar votos de Dilma com o apoio do P.I.G.  CLARO QUE O PRINCIPAL BENEFICIADO SERÁ SERRA E NÃO ELA.

A ecotraira Marina faz como Gabeira, caminha a passos largos para os braços daqueles que sempre tiveram nojo dos pobres, uma elite comprometida com os poderosos e seus interesses, e que nunca tiveram dúvida de quem são seus verdadeiros representantes. Chico Mendes deve estar se revirando na tumba ao ver a "meiga" Marina se transformar na maior traira dos trabalhadores e de suas lutas.

17 de set de 2010

A ecotraira se abraça em Serra e a direitalha nacional

Comprando a pauta da direita brasileira e do  P.I.G, o PV e o candidato a vice-presidente  da ecotraira Marina Silva,  Guilherme Leal (PV) disseram a que vieram nessa eleição. Guilherme  (dono da empresa Natura) esteve hoje (17) no Rio grande do Sul, e afirmou que o segundo turno tornou-se "indispensável para que o eleitor conheça melhor os fatos dos escândalos da Casa Civil". Indispensável para quem cara-pálida ? Para mim sempre esteve claro a tentativa do P.I.G de arrancar pontos de Dilma e transferir para Marina evitando a esmagora vitória de Dilma já no primeiro turno. A estagnação de Serra e o crescimento acentuado da candidata petista fez com que a direitalha nacional voltasse suas atenções para a ecotraira Marina,  que de uma hora para outra mudou até sua postura "meiga" e passou a corroborar com as opiniões de fundo do P.I.G. Para mim, Marina colocou na lata do lixo não reciclado a sua história política. Segundo o vice da ecotraira  um segundo turno é necessário para que o eleitorado decida com consciência (ahahahahha, como se o povo não tivesse). 

 Guilherme Leal,  ecologista de meia-tigela, com os bolsos cheio de dinheiro, disse na  maior cara de pinóquio, que tem certeza que o PV vai para o segundo turno ( O DONO DA NATURA NÃO TEM PESQUISAS INTERNAS EM SEU COMITÊ ??). Na realidade está louco para abraçar  a candidatura de Serra e transformar a ecotraira em ministra da tucanalha. Gabeira já desbundou para a direita e hoje está abraçado com golpistas e militares com saudades da ditabranda.

Vou dizer a quem serve o segundo turno:
A toda a direitalha nacional e as forças mais atrasadas e conservadoras do país,  as mesmas que sempre sugaram o povo brasileiro durante centenas de anos, e roubaram trilhões e trilhões da classe trabalhadora, afundando o nosso país em profundas crises financeiras e econômicas (para os pobres é claro). Eles  precisam fazer de tudo levar a disputa para depois do dia 03. Eles com certeza se unirão entorno do nome de Serra e farão de tudo o que é mais sujo na política nesses próximos quinze dias. Precisam se reagrupar e tentar levar a disputa para um patamar em que a derrota não pareça tão esmagadora, uma derrota  imposta pelas forças das políticas progressistas que tornaram o povo brasileiro protagonista da sua própria história. 

Datafolha: Tarso e Dilma sobem. Fogaça Serra e Yeda afundam

Tarso Genro (PT) , ampliou em mais dois pontos a vantagem sobre José Fogaça (PMDB) na última pesquisa Datafolha (17) . Tarso aparece com 44% das intenções de voto, contra 24% do peemedebista, e 11% de Yeda Crusius (PSDB).Yeda também aumentou, mas foi a sua rejeição  rejeição (ahahahhaha) .


O Datafolha também publicou pesquisa nacional, onde mostra que Dilma Rousseff tem 24 pontos de vantagem sobre José Serra. A petista tem 51% das intenções de voto, enquanto o candidato do PSDB aparece com 27%. Dilma subiu 1 ponto e Serra estacionou. Se a eleição terminasse hoje (ahahahahahha) provavelmente Dilma faria 57% dos votos válidos.

16 de set de 2010

NÃO É PIADA: Clube militar e vassalos do P.I.G promovem debate sobre ameça à democracia e a liberdade de expressão


 Parece até piada pronta, mas não é, e está lá para quem quiser ver. O  Clube Militar promoverá debate sobre uma tal ameaça à democracia e a liberdade de expressão no Brasil. Os debatedores convidados são velhos conhecidos da direitalha nacional e prestadores de vassalagem do PIG. Segundo informa o site, serão três painelistas de alto gabarito  (ahahaha) e um mediador de reconhecida competência (os Jornalistas MERVAL PEREIRA e REINALDO AZEVEDO e o Diretor de Assuntos Legais da ABERT (Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão), Dr. RODOLFO MACHADO MOURA.

O "grande debate democrático" será no dia 23 de setembro no salão nobre do clube militar na Av. Rio Branco 251 - Centro da cidade do Rio de Janeiro/RJ .

ISSO TEM CHEIRO DE UDN COM LACERDISMO 

Serra gosta de responder só perguntinha fácil


IMAGINA O QUE ELE NÃO FARIA NO PODER ! dizem que Aécio comunga da mesma opinião.

Paim encosta em A.Mélia

Na pesquisa Instituto Methodus/Correio do Povo publicada hoje (16)  sobre a disputa às duas vagas ao Senado aponta que Paim está encostada em A.Mélia. O petista está com com 47,7% e A.Mélia com 51,8%. O senhor botox, Germano Rigotto, do PMDB, está em terceiro com 40,9%. Há quinze dias das eleições, Rigotto já pode se prepar para disputar o o segundo lugar com A.Mélia. Sim ! na minha opinião  Paim vai ultrapassar A.Mélia até o final da eleição.

15 de set de 2010

Lições de Sun Tzu II

Se os emissários do inimigo pronunciam palavras humildes enquanto este incrementa seus preparativos de guerra, isto quer dizer que vai avançar. Quando se pronunciam palavras altissonantes e se avança ostensivamente, é sinal de que o inimigo se vai retirar.

Se seus emissários vêm com palavras humildes, envia espiões para observar o inimigo e comprovarás que está aumentando seus preparativos de guerra.

Quando os carros ligeiros saem em primeiro lugar e se situam nos flancos, estão estabelecendo um frente de batalha.

Se os emissários chegam pedindo a paz sem firmar um tratado, significa que estão tramando algum complô.

O embriagado

É sutil, mas é perverso. Quem tem mais de 30 anos lembra OU PODE PESQUISAR das maldades que o P.I.G fazia com Lula nos jornais, rádios e emissoras de TV. Nos jornais, a maioria das fotos era de Lula de boca aberta, com dedo no nariz ou fazendo alguma careta. Eles editavam as fotos, separavam as piores e publicavam a mais degradante. No rádio era dia e noite os vassalos do P.I.G chamando Lula de bêbado, cachaceiro, e por ai vaí. Na TV a gente já sabia como ia ser a edição do outro dia de pois de um debate com o Lula. Hoje (14) nossa abelha rainha enfia seu ferrão sutilmente em Lula à moda antiga, afirmando que Lula está "embriagado" pela popularidade. MALDADE PURA.


Quanto ao extermínio político dos DEMOS, eu digo que isso seria uma benção para o povo e a política brasileira.

Jorge Bornhausen e sua turma

Quero estudar o Holocausto Palestino

Era só o que faltava a Câmara de Vereadores de Porto Alegre obrigar os alunos da rede municipal a estudar o "holocausto". Tema batido, saturado, ressaturado, colocado em todos filmes, noticiários, reportagens e documentários em escala mundial, durante 30 anos, sistematicamente.  Se for assim, também quero que a Câmara aprove uma lei que seja obrigatório o estudo do extermínio do povo palestino promovido  pelo governo de Israel e a ocupação sistemática de seu território por assentamentos .

14 de set de 2010

As aventuras de Zezinho, um menino de futuro !

Senha liberada

A informação foi divulgada no site Vide Versus. Se for confirmado pelo promotor Amilcar Macedo que profissionais do P.I.G guasca possuiam uma dezena de senhas do Sistema de Consultas Integradas do governo do Estado, podemos dizer, sem a menor sombra de dúvida, que esse é o caso mais escabroso de violação de sigilo e espionagem feito por um grupo de comunicação, numa espécie  de P2 privado, servindo a claros interesses de um grupo de mídia. A própria nota do grupo midiático deixava claro que ela se utilizava dos serviços do araponga sargento César Rodrigues de Carvalho, mas agora, se comprovado, parece que o furo é bem mais embaixo. Se realmente a senha era de uso liberado para o grupo midiático, a justiça precisa e deve tomar as medidas para criminalizar os responsáveis pela violação de informações. Ninguém pode dizer que não sabia que isso é um crime.

Para comprovar o fato, basta agora que o ministério público rastreie os IPs, identifique às máquinas, horários e os logins de usuário daquele dia e o horário, para que saibamos quais profissionais e a vida de quem o grupo midiático vasculhava. 

Vamos extirpar dois cânceres : os DEMOS e o P.I.G da política brasileira

Faço minhas as palavras do nosso presidente Lula: "precisamos extirpar o DEM da política brasilieira". Eu vou até mais longe, e entendo que o DEM é o câncer, mas o que causa a doença, num país que caminha devagar rumo a democracia plena, chama-se Partido da Imprensa Golpista. Carinhosamente (aahahahha) apelidado pelos blogueiros e internautas de P.I.G., o partido dos conglomerados de mídia andam lado a lado  com o que existe de mais atrasado e sujo na política nacional. Como não possui militantes, usam seus vassalos e veículos (rádios, TVs, jornais e portais de internet) para difundir suas idéias e intéresses como se fosse de toda a sociedade brasileira. Neoliberalismo, privatizações, polos de pedágios e até o novo jeito de governar tem origem nessa chaga nacional revestida com o manto da liberdade de imprensa.  Se dependesse dessa turma, blogs como esse já estariam "no mármore do inferno" ahahahahahha.  

13 de set de 2010

Quem são os jornalistas guascas que usufruiam dos serviços de arampongem tucana do Piratini ?

Além da corrupção endêmica que infesta esse governo Yeda,  e da arapongagem política contra a oposição, eu gostaria de saber quais os jornalistas, e quais veículos que usufruíam das benesses das informações privilegiadas e sigilosas de cidadãos, extraídas diretamente dos porões do Palácio Piratini. Nossa mídia livre vai descobrir e revelar (ahahahahahahahahahhhha)

Mais uma fase para o governo tucano de yeda: a terminal

Além de ter sido pega espionando políticos de oposição e seus familiares, e extorquindo propina de  bicheiros com carro oficial do Piratini, a Casa Militar, subordinada a Yeda e ao comando-geral da BM, teve a petulância de  deixar mofando por mais de 1 hora o promotor Amilcar Macedo, autor da prisão do sargento-araponga do Piratini.  Amilcar havia agendado a visita à Casa Militar para hoje (13), mas foi desmarcada na maior cara-de-pau via torpedo pelo governo tucano.  Mesmo assim, cumprindo o seu dever e obrigação, o promotor foi ao Palácio, e só foi atendido pela intervenção do subprocurador-geral de Justiça.

Imaginem a reação do PIG, caso fosse um governo petista. A essa hora o PIG guasca já estaria retransmitindo direto para o Rio de Janeiro para aparecer no Jornal Nacional "PT bloqueia investigação em caso de espionagem  política" e por aí vai.  Gosto de acompanhar a abordagem "administrativa" que o PIG guasca faz sobre o tema, passando bem na tangente do assunto, para logo desviar para uma pauta nacional contra o PT (quebra de sigilo, a matéria da Veja, etc) 

Nossa abelha rainha, em primeira mão anuncia em seu TWITTER: " Yeda Crusius anunciou hoje uma profunda reestruturação na Casa Militar. Consta que o clima anda péssimo por lá." Clima Péssimo ? Os caras espionavam e monitoravam deputados e até seus filhos menores (crianças)  e ainda eles tem a safadeza de falar em clima péssimo? Se fosse um governo sério, o primeiro a cair seria o comandante-geral, o segundo seria o secretário-espantalho de segurança e a Casa Militar já estava FECHADA com todo a equipe de arapongas exoneradas e processadas. 

O PIG guasca mantém Yeda nos aparelhos para tentar empurrar a eleição do Estado para o segundo turno, para que as forças "VIVAS" se reagrupem contra o PT. Para isso, vão fazer de tudo nesses quinze dias para detonar Tarso, Dilma e quem quer que seja, nem que para isso precise criar mais uma fase para o governo Yeda: A FASE TERMINAL.

Imperdível: O PIG no teatro

Os candidatos do blogueiro

Como prometi, aí está a minha cola para o dia 03 de outubro

12 de set de 2010

Lições de Sun Tzu I

Calcula a força de teus adversários, faz que percam seu ânimo e direção, de maneira que ainda estando intato o exército inimigo, fique imprestável: isto é ganhar sem violência. Se destruíres o exército inimigo e matares seus generais, assaltas suas defesas disparando, reúnes uma multidão e usurpas um território, tudo isto é ganhar pela força." Por isto, os que ganham todas as batalhas não são realmente profissionais; os que conseguem que se rendam impotentes os exércitos alheios sem lutar, são os melhores mestres do Arte da Guerra. 

Os guerreiros superiores atacam enquanto os inimigos estão projetando seus planos. Logo desfazem suas alianças. 

A suja, Marina e o segundo turno

Que a revista Veja já não tem credibilidade política há anos a gente já sabia. Que a revista é uma espécie de porta-voz da direita de nosso país agente também já tinha essa clara noção. No entanto, fazer o que eles fizeram nesse final de semana, publicando matéria contra a ministra-chefe da Casa Civil e seu filho, na tentativa de colar a imagem da corrupção no governo Lula, dá o direito de chamá-la de SUJA.

O PIG, os tucanos e o restante da direita viram que a historinha do sigilo não colou na Dilma e que o povão não está nem ai. A saída agora é tentar vincular Dilma a imagem de corrupção e por isso essa tentativa desesperada de Veja para arrancar alguns pontinhos de Dilma, transferindo para Marina Silva.

Sim ! a tábua de salvação do PIG chama-se Marina Silva, pois cada ponto que Marina consegue,  coloca em risco a vitória de Dilma já no primeiro turno e dá folego para a rearticulação dos tucanos e toda a direitalha nacional.
Portanto, ainda temos 20 dias de intensa batalha contra o que há de mais sujo na política, e vem coisa pior por ai.

11 de set de 2010

O Déjà vu indigesto do 11 de setembro

Não sei se foi coincidência, ou força do destino, mas o 11 de setembro está marcado para o povo americano com dois simbolos fortes que não serão apagados da memória. O primeiro se dá no dia 11 de setembro de  1973, no Chile, onde forças conservadoras, com o apoio velado dos governos dos Estados Unidose e latinos (golpistas), derrubam o governo socialista de Salvador Allende. A direita, liderada pelo general Augusto Pinochet, bombardeia o palácio presidencial de La Moneda, exigindo sua renúncia. Allende não se entrega  e morre resistindo ao ataque.



O segundo 11 de setembro, o de 2001, também ficará na memória  e na retina dos povos como um dia triste para a humanidade, numa espécie de Déjà vu indigesto do governo americano que planejou e arquitetou a derrubada e a morte de Allende 28 anos antes das derrubada das torres.




De lá para cá, a máquina de guerra norte-americana já aniquilou milhares de pessoas em suas guerras, onde crianças, mulheres e idosos fazem parte do menu de alvos dos Yanques (atire primeiro, pergunte depois).

 

Em 1973 não precisaram invadir o Chile, suas forças conservadoras fizeram o serviço sujo. Agora, a bola da vez é o Irã, que só não invadiram porque sabem que o furo será bem mais embaixo, mas de uma coisa eu tenho a convicção, esse dia chegará, e quando chegar, milhões de inocentes  pagarão com suas vidas novamente.

Por isso, Allende foi mais que um presidente latino deposto e assinado pelo estado norte-americano com o apoio de seus vassalos de plantão. Ele  representa um simbolo contra a tirania e toda a forma de perversidade praticada contra o ser humano. VIVA ALLENDE !

10 de set de 2010

Mino Carta: O bode expiatório

Bom pai José Serra é. Mas basta isso para ser candidato à Presidência da República? Espantado, ouço estranhas, surpreendentes conversas pelos locais das horas felizes, os mesmos onde, até há pouco, pouquíssimo tempo, Serra era apontado como o aspirante “preparado”, concorrente, imbatível contra Dilma, “a guerrilheira” sem experiência eleitoral. Dramaticamente despreparada. Pois o tucano, conforme as falas que me cercam, começa a ganhar as inconfundíveis feições de bode expiatório. De certa forma, um Dunga da política.

Os cavalheiros e suas damas faiscantes de berloques e pedrarias buscam uma explicação para o desastre que se esboça. É com melancolia que tomam seu vinho de rótulo retumbante, a girar o copo em curtas evoluções aprendidas não sem fadiga psicossomática nos últimos anos. Aplicados discípulos do up-to-date, substituíram o uísque que os acompanhava horas a fio até ao jantar, enquanto, na hora do almoço, surgem de gravata amarela nos restaurantes finos e caríssimos. Salvo raras e honrosas exceções, entraram na parada com a certeza da vitória. Seria o seu próprio triunfo, por sobre os escombros de Lula e do lulismo, perdão, de Lulla e do lullismo. Se a Seleção Canarinho perde, é por vontade divina, ou porque o técnico errou. E se perde o candidato Serra, de quem a culpa?
Não faltam os técnicos, ou seja, os marqueteiros, uma corte de especialistas não se sabe com exatidão em que matéria, tidos, porém, como indispensáveis nas nossas paragens. Às vezes me pego a imaginar Roosevelt ou Churchill, ou mesmo Zapatero e a senhora Merkel, que invocam a presença de peritos à sua volta para instruí-los como diretor de teatro faz com seus atores.

Os marqueteiros nativos são iguais à mítica fênix. Imortais, reaparecem sempre porque sempre perdoados. Vai sobrar para o próprio Serra, não ficou à altura das esperanças. Caiu em incertezas e confusões que seus eleitores cativos, tão fiéis, tão dedicados, não imaginavam. Não mereciam. Já está em elaboração a listagem dos erros do candidato tucano. Demorou demais para anunciar a candidatura. Não soube cativar Aécio. Imprimiu à campanha direções diversas e até opostas. Etc. etc.
Não é que a mídia não tenha colaborado para a vitória tucana. Formidável mídia, de tucanagem ampla, geral e irrestrita. Um instituto de pesquisas, o Datafolha, também participou do esforço. Surgiu ainda a denúncia, também apelidada de dossiê, a lembrar histórias de aloprados e mensalões. E nada? Culpa do Serra, dirão os senhores e suas damas. E me vejo, de improviso, a me compadecer, sinceramente, do futuro, iminente derrotado, em quem reconheci, e reconheço, muitas qualidades.

O erro de Serra foi ter caído na esparrela urdida por Lula, a do plebiscito inescapável, sem perceber, além da força dos adversários, a mudança que o ex-metalúrgico guindado à Presidência acarretou para o País, acima e além de alguns bons e inegáveis resultados alcançados por seu governo. A situação, precipitada em grande parte pela identificação entre a maioria e seu presidente plebeu, digamos assim, acabou por empurrar Serra para a direita como nesta página foi observado inúmeras vezes. O ex-presidente da UNE, perseguido pela ditadura, tornou-se representante de um partido fadado a ocupar o mesmo espaço outrora preenchido pela UDN velha de guerra.

Sublinhei também que Serra nunca recomendou “esqueçam o que eu disse”. Mesmo assim, na alternância contraditória das rotas da sua campanha, o candidato tucano amiúde, e lamentavelmente, permitiu-se tons udenistas adequados à exposição de ideias idem. Vivêssemos outro tempo, nada disso importaria, está claro. Empenhada em assustar a minoria privilegiada, a mídia nativa teve êxito em 1989, 1994 e 1998, contra o espantalho do Sapo Barbudo. Faz oito anos, contudo, que os argumentos da chamada elite não logram os resultados de antanho, mas Serra e os seus eleitores não se deram conta disso até hoje.

Esta incapacidade de compreender um Brasil diverso daquele sonhado, esta ignorância, é que confere um toque patético à derrota da minoria privilegiada, dos herdeiros e cultores de um passado que os fez donos do poder. Não são mais, a despeito da descoberta do vinho servido em taças, como dizem os maîtres.

Grupo midiático usava o araponga do Piratini e seus dados sigilosos

 O PIG guasca revela hoje que o aramponga do Piratini, sargento César Rodrigues de Carvalho, também era informante do grupo midiático, e tinha um estranho hábito de "servir" jornalistas com informações privilegiadas do Sistema de Consultas Integradas. Segundo a nota, o araponga também repassava (sic)  “ocorrências, fotos, dados básicos, endereços, fichas de detento”. O mais grave é que esses dados são sigilosos, colocando em risco a vida de pessoas ou de suas familias.  Se essa fonte do Piratini fornecia para a imprensa é porque tinha uma relação estreita com determinados veículos e jornalistas.Mas isso era tudo ?? Quem me dá certeza de que essa preciosa fonte com senha Master também não fornecia dados de pessoas comuns à imprensa, ou até mesmo dados pessoais de pessoas que a mídia costuma fazer ataques ?

9 de set de 2010

Gabriel ! Vovó já volta

 
A cara da vovó Dilma é de total felicidade com o nascimento do Gabriel, ocorrido hoje (09) em Porto Alegre. Seu primeiro netinho tem quase 4 quilos e 50 cm de comprimento, e pela cara tá bem aconchegado (ahahahhaa). Fiquei imaginando o pensamento de Dilma e coloquei ai (aahahhaha)

Ué ? Sumiu ?

Na semana passada (06/10)  eu fiz esta imagem da sede do Partido Progressista em Porto Alegre, onde a imagem de Ana Amélia (candidata ao senado) e de Yeda Crusius aparecem coladinhas

Hoje (09), ao passar pela mesmo local vi que o banner "sumiu" (ahahahahhaha).  Acho que andaram lendo nosso blog (ahahahaha).

Casa Militar ou casa de espionagem ?

Não sei se notaram, mas hoje (09) impera uma "sombra" na grande mídia impressa (o que fica impresso fica para sempre) sobre o caso de arapongagem militar contra políticos do PT e de extorsão de bicheiros patrocinado pelo governo tucano. A abordagem  "técnica" do caso em outros veículos (rádio e tv) também significa na minha opinião que o PIG vai tentar de tudo para colocar panos quentes no maior escândalo político que o Rio Grande do Sul já assistiu. "COINCIDENTEMENTE" o principal âncora matutino da emissora de rádio tirou férias.

Outro fato que chama a atenção, mas que o PIG e seus arautos não abordam,  é a participação efetiva  e a rodo de militares de alto escalão (Brigada Militar) na maioria dos casos de espionagem e  de falcatruas na Defesa Civil do Estado. Não sei se só eu que notei  isso, mas a sensação é de que a Casa Militar do Piratini transformou-se nesse quatro anos em uma  verdadeira central de espionagem com objetivos de tirar proveito político e financeiro. Esses oficiais, que deveriam estar trabalhado nos quartéis, combatendo a criminalidade, agora utilizam o escudo da Brigada Militar para se locupletar e espionar. O engraçado é que nem o comandante-geral, nem o secretário de segurança falam nada sobre isso e o PIG também não fará questão de cobrar. CHEGA SER NOJENTO !

8 de set de 2010

Sargento agiu com a concordância do centro do governo Yeda

A bancada do PT está convencida de que o sargento Cézar Rodrigues de Carvalho, suspeito de ter violado o Sistema de Consultas Integradas da Polícia, não agiu sozinho. Em entrevista coletiva concedida na tarde desta quarta-feira (8), os deputados Raul Pont e Stela Farias afirmaram que há fortes indícios de que o esquema de espionagem não é novo e foi arquitetato por integrantes da cúpula do governo gaúcho. “Tudo leva a crer que a ação do sargento contava com o conhecimento do centro de governo e era acobertado por integrantes da Casa Militar”, afirmou a deputada Stela, uma das parlamentares que teve a vida bisbilhotada pelo militar.

Entre janeiro e agosto de 2009, o sargento teria realizado mais de 10 mil acessos, utilizando duas senhas – a comum e a máster, de caráter restrito. Entre os investigados, estão o ex-deputado Flavio Koutzii (PT), o deputado Luís Augusto Lara (PTB) e Stela, que presidiu a CPI da Corrupção. Os acessos às informações dos petistas ocorreram em outubro do ano passado, no ápice das investigações da comissão parlamentar de inquérito. “Chama a atenção o período em que os acessos foram realizados. Não é exagero concluir que as pesquisas tinham objetivos políticos, muito provavelmente de atemorizar parlamentares em pleno exercício de seus mandatos”, frisou Pont.

A arapongagem não se restringiu a vasculhar a vida de deputados, mas invadiu também a intimidade de seus familiares. Na segunda-feira (6), Stela foi alertada pelo promotor que cuida do caso, Amílcar Macedo, que seus três filhos, um deles de apenas oito anos de idade, também foram alvos de espionagem. “O papel da Casa Militar é o de garantir a segurança institucional da governadora. Dentro desta concepção, não há nada que justifique o monitoramento de uma criança de oito anos”, apontou Stela, que deverá nomear um advogado para acompanhar as investigações do caso.

Medidas

Os deputados do PT anunciaram também as medidas que deverão tomar em relação ao episódio. A primeira delas é de requerer que o colégio de líderes (instância que reúne os líderes de todas as bancadas da Assembleia Legislativa) exija esclarecimentos do governo. “Trata-se de uma prática inaceitável, cujo objetivo é o atemorizar deputados. Um parlamento livre não pode conviver com este tipo de ação governamental”, salientou Pont.

O deputado quer que o Executivo informe quem liberou a senha máster para que o sargento violasse o sistema. “É uma senha a que poucas pessoas têm acesso. Portanto, para saber quem a forneceu, não é preciso uma longa investigação. Basta vontade política de elucidar os fatos”, acredita.

O PT quer esclarecimentos também sobre o destino dos recursos provenientes da extorsão de contraventores. “Temos informações de que o dinheiro não ficava só com o sargento, mas era dividido. Queremos saber com quem”, apontou Stela.

A parlamentar anunciou, ainda, que a bancada irá solicitar ao Ministério Público a transferência de custódia do sargento da Brigada Militar para a Polícia Federal. “O sargento é peça chave para esclarecer os fatos. É preciso toda a garantia de preservação de sua integridade.”

Banrisul

O rombo de mais de R$ 10 milhões do Banrisul também deverá ser investigado pela bancada petista. A primeira providência dos parlamentares será solicitar ao Conselho Nacional de Justiça a avaliação da conduta do juiz militar Fernando Lemos, que presidiu o Banrisul e está sendo processado por gestão temerária do órgão. “Queremos saber se, nesta condição, ele pode ocupar a vaga de juiz do Tribunal Militar”, declarou Pont.

O PT deverá solicitar, ainda, a realização de uma audiência pública na Comissão de Serviços Públicos da Assembleia Legislativa para tratar do desvio de recursos do banco gaúcho.

Foto: Kiko Machado