16 de dez de 2009

Saúde: governos tucanos são os que menos investem

Está publicado hoje (16), no jornal O Globo, na página 03, o estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - Ipea, que analisou a atuação do poder público da área da saúde. O estudo constatou que em 1.867 municípios brasileiros (33,5% ) não existe ATENDIMENTO DE URGÊNCIA. Coincidência, ou não, os piores do ranking são administrados pelos governos tucanos. Os dados apontam que Minas Gerais (Aécio) possui 21,3% dos municípios sem atendimento de emergência, seguidos pelo Rio Grande do Sul (Yeda) com 14,1 % e São Paulo (Serra) com 9,9%. A saber: Yeda investiu apenas 5,6% dos 12% obrigatórios na área da saúde, fazendo ressurgir epidemias para o RS (Febre-Amarela) e a gripe suína, da qual o RS foi o campeão em mortes.

Relatório Chapa Branca

Ninguém tem dúvida de que o relator da CPI, deputado Coffy Rodrigues (PSDB), apresentará um relatório chapa branca na CPI da Corrução, tanto é que ele já avisou que ninguém será indiciado. Aliás, é bem provável que ele apresente a desgovernadora Yeda como vítima do PT e de seus ex-aliados (ahahahahhaha)

O verdadeiro relatório será o paralelo, que será apresentado pela presidente da CPI da Corrupção, Stela Farias (PT), na próxima segunda-feira. Nele, a deputada Stela pedirá o indiciamento de até 30 pessoas. A novidade é que dos indiciados, estão, além de membros do primeiro escalão do governo estadual, a presença de secretários da prefeitura de Porto Alegre. O documento deve pedir o indiciamento também de "empresários", envolvidos em supostos esquemas de favorecimentos em licitações.