20 de jan de 2010

PF prende, e o emburacado silencia

Ontem(19) a PIG guasca matinal teve overdoses de orgasmos ao criticar a superlotação da emergência do Hospital Conceição.No entanto, ninguém falou que o governo do RS é um dos que menos investe em saúde no Brasil e é um dos estados campeões nacionais em negligência na área de emergência. Também estão nesse barco dezenas de municípios que simplesmente fazem a ambulânciaterapia, prática que despacha doentes para a Capital.Mesmo assim o secretário de saúde do Estado e deputado Federal Osmar Terra (PMDB) só recebe elogios da PIG guasca.

Enquanto isso o Ministério Público Federal e a Polícia Federal desbarataram mais uma quadrilha especializada em roubar dinheiro público no RS, só que agora na saúde pública em Porto Alegre. Hoje (20) A PF, através da Operação Pathos, cumpriu 30 mandados de busca e apreensão no Rio Grande do Sul, São Paulo e Pernambuco e colocou no xadrez uma organização criminosa que desviou mais de R$ 9 milhões dos cofres públicos de Porto Alegre e da União. A investigação iniciou em 2007, periodo que o Conselho Municipal de Saúde de Porto Alegre fez representação ao MPF apontando irregularidades nas prestações de conta da Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP).

O prefeito José Fogaça (PMDB), conhecido como "o emburacado", está pianinho e não fala nada, mas o cheiro forte de falcatrua no governo da mudança (ahahahhaa) não tem mais como a PIG escamotear e negar.

Imaginem se a prefeitura de Porto Alegre, que hoje está nas mãos de Fogaça, hoje do PMDB, ex-PPS, ex-PMDB fosse administrada pelo PT. Qual seria a reação da PIG e de seus vassalos ?

Maior obra de tecnologia do país e da América Latina não tem apoio da prefeitura e do governo do Estado

Chega a dar vergonha o que está publicado hoje em Zé H (20) no Informe Econômico . Segundo apurou a jornalista Maria Isabel Hammes, o complexo da Ceitec, a maior obra de tecnologia do país, primeira empresa especializada pelo desenvolvimento e produção de chips da América Latina sofre com os buracos na Lomba do Pinheiro e com a falta de calçada. O presidente da Ceitec, o alemão Eduard Weichselbaumer, desaba ao falar da "colaboração" do Estado e do município no projeto:
– Não temos calçada, e a nossa rua (Lomba do Pinheiro) está cheia de buracos. E olha que transportamos equipamentos sensíveis. Weichselbaumer afirma ainda que a falta de apoio do Estado e do município representa um cartão de visitas às avessas e lamenta, pois já tem prontos os planos de expansão.
A jornalista Maria Isabel Hammes informa ainda que há pouca concorrência no Brasil e na América Latina no setor. Segundo ela, não existe indústria de semicondutores no continente e a Ceitec pode elevar o percentual da participação da indústria eletrônica no PIB. Hoje, nações desenvolvidas têm percentual de 12%, enquanto que aqui representa apenas 1,9%.
Quem sabe o prefeito Fogaça, que há 7 anos está emburacado na prefeitura, dá uma mãozinha e manda tapar os buracos na Lomba do Pinheiro e de lambuja colocar uma calçadinha básica no acesso ao prédio. E a governadora Yeda, que fez festa para a duplicação de mentira da Aracruz, ( que já se impirulitou daqui), bem que poderia ter a dignidade de investir na Ceitec, que é real e realmente concreto, ao invés de torrar R$ 1 bilhão com empreiteiras para tapar buracos das estradas com asfalto de péssima qualidade.
O presidente Lula inaugura a obra em Feverereiro, com presença de Dilma Rousseff ( ahahahah)