10 de dez de 2008

Yeda executa apenas 9% dos recursos da segurança em 2008

O governo Yeda propôs para o ano de 2008 um orçamento para a Segurança Pública de R$ 198,5 milhões (investimento) . O que a mídia amiga não fala e não cobra é que estamos no mês de dezembro e apenas 14,5 milhões foram executados, ou seja, 9% do valor proposto inicialmente pelo governo do déficit zero. Sabemos o que Tribunal de Justiça Militar do Estado,órgão obsoleto, e inútil, que serve apenas para julgar processos envolvendo membros da Brigada consumirá neste ano R$ 21 milhões de reais do erário público. O elefante branco chamado tribunal militar consumirá mais recursos que toda a Polícia Militar, Civil e Susepe juntas (R$ 14,5 milhões). A governadora Yeda, além de não executar seu próprio orçamento, ainda contemplará o coronel Mendes (atual comandante) da BM para compor esse tribunal, recebendo uma salário de R$ 22 mil reais, juntamente com mais seis coroneis. Esse é um governo de déficit zero, segurança zero, saúde zero e educação zero

Nenhum comentário:

Postar um comentário