12 de fev de 2010

Pancadaria em Caxias: governo Yeda abre 2010 com mais repressão aos movimentos sociais


A política de repressão do govenro Yeda abriu seus trabalhos em 2010. Segundo informações, dois dirigentes e um funcionário do Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos de Caxias do Sul foram presos hoje (12) pela Brigada Militar durante a manifestação de trabalhadores da Randon Implementos. Também foram presos o vereador Assis Melo do PCdoB, o dirigente sindical Nercildes do Carmo e o funcionário Sálvio Fontes.

Segundo Assis, a manifestação é pacífica e visa melhorar distribuição do Programa de Participação nos Resultados (PPR). Os funcionários alegam que essa unidade da empresa recebeu um valor menor se comparado a que os trabalhadores das outras empresas do grupo receberam.

Foto: Marcio Schenatto, divulgação

7 comentários:

  1. Normal "Ela" abre o ano como encerrou : abaixo de repressao aos Trabalhadores. Com uma ressalva este ano tem Eleição . A Governadora pensa se eleger so com votos da Burguesia ????? Pq os Trabalhadores não esquecerão essa lembraça do " Anos de Chumbo" q o PSDB fez reviver no Estado através do Governo Yeda.

    ResponderExcluir
  2. Politicagem pouca é bobagem.
    O governo não teve nada a ver com a ação da polícia, que estava ali para cumprir uma ordem judicial, pois o Sindicato tranca a entrada das empresas e agride verbal e fisicamente aqueles que querem trabalhar.
    O presidente do Sindicato, sr. Assis Melo está atuando como apenas um baderneiro, já que está sem oportnidades para aparecer e precisa, pois pretende ser candidato a deputado federal nas próximas eleições. Não tiro a gravidade da ação da BM, mas a violência não vem apenas de uma das partes.

    ResponderExcluir
  3. Me dá uma vergonha ver fotos como esta!!!!!!É o governicho do retrocesso, é um arremedo de governadora (?)essa yeda, a hipócrita! A BM ao invés de estar coibindo os movimentos sociais, deveria estar isso sim, nas ruas nos dando segurança e não fomentando a insegurança.
    Onde esta o vieirinha, o paladino da cpi da segurança, por ocasião do Governo Olívio Dutra (governo está escrito com "G" maiúsculo de propósito)????
    Maria Rodrigues

    ResponderExcluir
  4. O cara quer se eleger e os incompetentes fazem o favor de mandar a brigada bater nele.
    Mas isso é um conluio para elegê-lo deputado.
    O pessoal da Randon não é tão burro, só pode ser coisa ou do comando ou da companheirada.

    ResponderExcluir
  5. Para o FErnando: deixa de ser idiota, tua governadora só conhece a voz do pau em movimentos sociais.... Não coaduno com troglodistas... vc gostaria de estar de posse dos cassetetes...
    Eu luto há décadas para mudar este estado de coisas... pela primeira vez em nosso país vemos uma luz de esperança. E sua continuação é DILMA! Estou na luta.
    Saroba & Suzana

    ResponderExcluir
  6. Paco disse:
    ..Isso foi apenas um espetáculo repugnante, protagonizado por um político opurtunista e uma polícia..digamos que despreparada!!De um lado estavam dezenas de simpatizantes,assessores e sindicalistas ligado ao vereador, presidente do sindicato dos metalúrgicos e pré candidato a deputado federal pelo PCdoB,Assis Melo.
    Embora tenha assinado como testemunha no contrato do PPR dos trabalhadores da Randon, Assis optou por rasgá-lo, não procurou conversar com a Randon e pariu para o confronto.
    Fez isso p/pousar de vítima,ganhar notoriedade e parte dos 100 mil votos que deseja p/conquistar uma vaga no congresso.
    Do outro lado, estavam militares ingênuos e despreparados,que,ao aceitar provocações baratas "morderam a isca",dando início ao teatro de horrores exatamente como o planejado.
    não foi por acaso que o sindicato levou fotógrafos,cinegrafistas para o comício!! OPS!!! para o protesto!!
    Mas ainda tenho uma dúvida...aqui em caxias, na BR 116, morreu um menino de menos de 10 anos, e não vi o senhor vereador.
    Pedindo uma passarela neste local, nem mesmo seus seguidores, mas por R$900!! eles fecham ruas,fecham empresas!!
    Vocês seguidores!! talves quando entram em um supermercado procuram a carne mais barata, ou até reclamam do preço, mas vocês não sabem o custo de criar um boi,e colocar um peão p/cuida-lo!! Já trabalhei como peão de estância e sei, por les digo!! o que falta p/vcs é trabalho!! Agora brigar por R$900?? De onde venho, chamamos isso de PUTARIA!!!
    Feito e um Abraço!!!
    Paco.

    ResponderExcluir