6 de jul de 2010

Declaração de bens muito estranha


Olhando a declaração de bens de Yeda Crusius publicada hoje no PIG eu fiquei com uma dúvida: ou ela é irreal ou demonstra incompetência na gestão de seus gastos. Uma professora universitária de economia, que ja foi deputada federal (R$ 25 mil ao mês), e que hoje recebe quase R$ 30 mil reais por mês na condição de governadora, apresenta uma declaração de bens quase franciscana é, no mínimo, estranho. Vocês não acham ??? A casa de Yeda parece que desvalorizou muito no mercado imobiliário (ahahahaha).

5 comentários:

  1. Se o fato de Dilma Rousseff(PT) manter R$ 113,3 mil em dinheiro vivo guardado em casa chamou atenção, mais surpreendente é a declaração de patrimônio do ex-ministro da Justiça e candidato a governador no Rio Grande do Sul, pelo PT, Tarso Genro. A turma dele, entre as quais figura a filha e rica herdeira Luciana Genro(PSOL) liderou uma cruzada contra a governadora Yeda Crusius, acusando a mesma de adquirir uma casa por R$ 400 mil, a partir da venda de outro imóvel. A Milícia Tarso Genro pediu até o impeachment da governadora, que acabou sendo absolvida na Justiça. Até agora ninguém questionou o fato do petista ser dono de nada mais, nada menos do que 13 imóveis e de mais de R$ 1 milhão depositado no banco. Ninguém estranha. Afinal de contas, ele é petista.

    ResponderExcluir
  2. Anônimo, os R$ 113 mil da Dilma são do cofre do Adhemar de Barros...

    ResponderExcluir
  3. brigada anti-petista, e anônima, aliás.

    ResponderExcluir
  4. tarso genro, além de vir de família rica, foi um advogado bastante bem-sucedido. acho que,l em geral, as pessoas sabem que um advogado que se dá bem ganha muita grana. sim, os petistas também podem ganhar dinheiro, viu gente boa? ou não podem? com a palavra, a brigada anti-petista.

    ResponderExcluir
  5. Ué! O que ela fez com a casa do espanto? Passou para outro laranja?

    ResponderExcluir