1 de out de 2009

O julgamento popular de Yeda


Com as investigações da Policia Federal e da Justiça Federal a população gaúcha foi brindada nestes últimos três anos com uma avalanche de denuncias de fraudes e de corrupção no governo Yeda. O engraçado em tudo isso é que essas denuncias não tiveram origem na oposição (PT) mas sim de membros do governo Yeda e de alguns ex-apoiadores, alguns até já morreram de forma misteriosa. Na Assembleia Legislativa a CPI da Corrupção caminha devagar, bloqueada pela tropa de choque do governo do PSDB e PMDB. A mídia guapa fala e cobra a corrupção lá do fim do mundo, e qualquer assunto vira capa de jornal, desde que não seja sobre a corrupção guasca no Estado mais politizado do Brasil. Aqui tudo é nova fase, novo recomeço, blá, blá blá.
Para contrapor esse bloqueio, começou ontem (30), em todo o Estado, a coleta de votos no julgamento popular da governadora Yeda Crusius, indiciada pelo Ministério Público Federal como líder de uma quadrilha que somente do Detran desviou mais de 44 milhões reais. Para votar, é preciso apresentar um dos seguintes documentos: Identidade, CPF ou título eleitoral. O eleitor também pode votar num site criado especificamente para o julgamento: www.opovodecide.com.br.

Nenhum comentário:

Postar um comentário