2 de nov de 2009

Carta Capital: o papel do PIG gaúcho

Artigo do jonalista Paulo Cezar da Rosa da Carta Capital dessa semana escreve sobre a relação estreita do PIG gaúcho com Yeda e o bombardeio midiático contra o governo Lula.
Confira:[...Já manifestei aqui meu distanciamento crítico quanto ao termo PIG. Esqueçam! Vocês, leitores, me convenceram de que é preciso trabalhar com o conceito. Mas vamos ao que interessa: O PIG gaúcho fez tudo o que podia e não podia por Yeda Crusius. Se alguma coisa vale a minha palavra, eu testemunho: nunca um governante teve tamanha boa vontade da mídia quanto Yeda Crusius. Nem mesmo Antônio Britto foi tão defendido. Yeda teve tudo, tudo, tudo. E ainda está tendo. E, em que pese o peso e importância da mídia na formação da opinião das pessoas, todo o apoio que foi dado à governadora não conseguiu forjar uma imagem positiva de seu governo. Ao mesmo tempo, o PIG gaúcho vem martelando contra Lula noite e dia nos últimos anos mas também não consegue imprimir uma imagem negativa ao presidente. Ao contrário, hoje Lula tem no RS praticamente os mesmos índices que possui no país. Ou seja, o papel do PIG gaúcho, cada vez mais, é enrolar peixe no dia seguinte....]Clique aqui para ler todo o artigo

2 comentários:

  1. Quem martela contra o Lula é o própio Lula quando abre a boca para falar por conta própia. É um desaastre. Que falta faz um rei tipo aquele da Espanha por aqui.

    ResponderExcluir
  2. Deves estar fora do estado a um bom tempo, e, ainda, desconectado da internet. A RBS é a maior força midiática destruidora do governo do RS.

    ResponderExcluir