5 de set de 2010

A lição que o PIG guasca está ensinando à sociedade gaúcha

Imaginem o que nossa imprensa livre faria caso militares ligados à Casa Militar do gabinete do ex-governador Olívio Dutra Lula fossem presos por participar de extorsão e espionagem política, e ainda usando carros oficiais do Palácio Piratini. Imaginem se o principal partido espionado por esses militares fosse o principal adversário político de oposição no Estado. Imaginem se o grupo, além de de espionar escalões estaduais, também espionasse ministros de Estado e senadores da República.

Provavelmente a imprensa livre guasca estaria rufando tambores da ética em seus veículos, seus arautos e articulistas cansariam gargantas e dedos para fustigar o governo.Uma equipe já estaria prontada na Assembleia pronta para gravar e passar em horário nobre a assinatura do último deputado no requerimento da criação de uma CPI da espionagem.  De segunda a segunda as capas dos jornais aproximariam mais e mais a crise das portas do gabinete do governador.

Nossa imprensa tem lado e nunca foi o da classe trabalhadora, sempre moveu-se por interesses econômicos e políticos, protegendo seus aliados, numa espécie de escudo das oligarquias, do latifúndio e dos poderosos que adoraram criticar o Estado de um lado, mas que não largam as gordas tetas estatais de outro.

Em uma semana tivemos dois casos escandalosos (a roubalheira do Banrisul e a descoberta de um grupo de arapongas do Piratini contra o PT). O PIG guasca trata os casos com pouco interesse (POLÍTICO)  e rufa tambores contra Dilma, Lula e o PT na tentativa inútil de levar tudo para o segundo turno.

Pelo menos que isso sirva de lição para aqueles que acreditam na "verdade" da imprensa. Nossa sociedade já está começando a enxergar quem o PIG representa em nossa sociedade.

4 comentários:

  1. Alem disso a “inteligência” da Casa Militar extorquia dinheiro de donos de bingo e caça níqueis ‘supostamente’ para a campanha da Tia Yeda.
    O PIG gaudério, não só evita divulgar esses fatos, como dá espaço para as mais absurdas defesas de um governo que já infringiu boa parte do Código Penal.
    Semana passada a TVCOM deu espaço para um advogado contratado pelo Banrisul (?????) ( o banco está cheio de profissionais qualificados em seus quadros): De acordo com o causídico, os prejuízos ao banco foram causados pela força tarefa ( que divulgou o fato) e não pala quadrilha da Tia.

    ResponderExcluir
  2. Eu já fiz minha parte cancelando a assinatura do Correio do Povo. Cansei da blindagem descarada.

    ResponderExcluir
  3. Chamemos o vieirinha para fazer uma cpi, afinal ñ é ele o bam-bam em cpis de segurança????!!!!
    Maria Hein

    ResponderExcluir
  4. Estamos superestimando a capacidade do PIG, haja vista que o movimento em questão é formado por pseudos jornalistas, pseudos intelectuais, nutridos por factoides fantasiosos, ludicos e imorais. Seus integrantes perambulam à margem da realidade social, dos interesses da base e da maioria da sociedade. Defendem os interesses de uma minoria desesperada, que está ficando sufocada e enclausurada em sua redoma, sentindo o gosto amargo do seu próprio fel. Os integrantes do PIG estão atônitos, assistindo a grande massa de manobra se rebelar. Lula é um fenômeno incompreendido pelo PIG, mas que caiu nos braços e corações do povo brasileiro.

    ResponderExcluir