3 de fev de 2009

Lula bate recorde, a mídia silencia e Serra arranca os cabelos

Um mês após assumir o governo, em janeiro de 2003, o presidente Lula foi avaliado no auge de sua popularidade e obteve 83,6 % de aprovação em pesquisa de opinião pública. Em janeiro de 2009 o presidente Lula foi novamente pesquisado e obteve 84% de aprovação na avaliação pessoal, um recorde. o governo do PT recebeu avaliação positiva por 72,5% dos entrevistados e 21,7% avaliaram o governo Lula como regular. O que chama a atenção é o fato de que estamos apenas no início da segunda metade do governo Lula e a pesquisa deveria apontar uma redução da popularidade e não o aumento, caso comparássemos a série histórica de pesquisas presidenciais. Outro fato relevante é que 70% da população apoia às ações do governo no que se refere à crise financeira mundial, ou seja, Lula tem o apoio popular esmagadora. Dando uma escaneada nos principais saites de notícias (terra, uol, globo) a pesquisa nem consta como destaque e o tema principal é o foco na desgraceira da crise. Pelo visto o discurso da "crise" é a aposta inicial do PSDB e da grande mídia para tentar derrubar Dilma, mas terá que atravessar por uma barreira de 84 pontos de aprovação do presidente Lula. Se o Serra ainda tem cabelo, a está hora já deve estar careca (ahahahahha).

Um comentário: