17 de jul de 2009

Lied, sempre ele

O que o chefe de gabinete da governadora Yeda Crusius, Ricardo Lied estava fazendo ao acompanhar policiais do Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (Denarc) quando esses servidores foram avisar o presidente do Detran de que que seu filho, Fábio, 26 anos, seria preso. Segundo Buchmann, as visitas "sugeriram" que ele fizesse contato com o filho para alertá-lo de que veria o sol nascer quadrado. Lied, chefe de gabiente de Yeda, é o mesmo que foi pego em gravações de espionagem política do ex-candidato petista à prefeitura de Lajeado no ano passado. Buchmann não acolheu a sugestão do companheiro Lied pois sentiu a arapuca de seus colegas (ahahaha). Se ligasse para o filho seria grampeado e poderia ser até chantageado, por isso, decidiu deixar o filho Fábio ser preso pelo Denarc e avisou a imprensa. Fabio tinha 23 quilos de maconha e meio quilo de cocaína em seu apartamento.

2 comentários:

  1. talvez o mais escandaloso de todos os escandalos do goverlixo yeda!!!!
    e a RBS simplesmente ignora.. imagina que bela reportagem poderiam fazer disso?!?!! é um enredo de hollywood!!

    ResponderExcluir
  2. DETRAN já foi sinônimo de Trânsito, mudou para trânsito de influência e agora de pai do tráfico. E se fosse um filho de um secretário do Olívio? Não experimentei,talvez nem me ofereçam, mas pelo jeito a maconha dos amigos da RBS é melhor do que a do PT...

    ResponderExcluir