24 de ago de 2010

UM DIA MUITO TRISTE

Segundo o professor Cipriano Carlos Luckesi, a concepção de ser humano é ser um construtor em construção. Construtor de si mesmo mediante o trabalho que constrói. E assim ele constrói a si mesmo construindo e dominando o meio ambiente que o circunda.

Hoje, lamentavelmente, assisti uma cena degradante desse tal ser humano que me deixou profundamente triste. Assisti um motorista que passava na minha rua a mais de 100km por hora atropelar o cachorro da minha vizinha. Além de atropelar e deixar o animal esfacelando, mas ainda vivo, grunindo no meio do asfalto, ele nem sequer teve a dignidade de parar. Desci correndo e peguei meu carro para levar o animal para uma clinica veterinária, infelizmente, como ele havia fraturado a coluna, precisou ser eutanasiado , pois ficaria com muitas sequelas.

Naquele momento lembrei das dezenas de crianças e idosos que diariamente cruzam a mesma rua, rumo a uma praça pública que também tem campo de futebol (diversão da garotada da vila popular próxima). Graças ao nosso bom Deus esse "SER HUMANO" não cruzou com esses outros seres humanos HOJE.

Fiquei muito triste ao ver as pessoas indiferentes, quase robotizadas, fingindo que nada havia ocorrido com aquele pobre animal , que aquilo estendido no chão não era um ser vivo que precisava de ajuda. Diariamente na mídia leio e ouço relatos de motoristas humanos que atropelam pessoas e depois fogem, e hoje pude comprovar que esse Ser Humano existe em abundância, e me parece, movidos pela ganância, pelo ódio, pelo individualismo e vaidade, havidos em ganhar dinheiro e se dar bem numa remontagem grotesca da lei de Gerson

HOJE FOI UM DIA MUITO TRISTE, FOI COMO VER O SER HUMANO EM ESTADO TERMINAL .

Um comentário:

  1. ok, mas ficar triste por um cachorro? Eu quando li o post achei que fosse por causa das misérias da humanidade!!!

    ResponderExcluir